Contato Visual - Cammie McGovern


Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788599560396
Ano: 2010
Páginas: 312
Tradutor: Alyne Azuma

Esse livro é tudo de bom. Adorei! E como li em várias resenhas, surpreendente. A cada nova pista, você é levado para um lado e no final... Surpresa!!!
É extremamente emocionante descobrir que Adam, apesar da dificuldade em se expressar ele "tenta" esclarecer determinados fatos, inclusive se preocupando com a Amélia.
Cara é uma mãe extremosa que peca pelo exagero nos cuidados com o filho, e até o momento em que vive não havia se sentido tão solitária e defensiva, como observa em um desenho onde foi retratada.
Um livro que trata das relações pessoais, sociais e fraternais, e para quem tem filho com alguma "deficiência", te faz pensar sobre os valores que aprendemos e tentamos passar, sempre protegendo nosso "filhote", pois eu sei bem o que é isso, não tenho um filho autista, mas com deficiência auditiva, e como explicar para ele a necessidade de se usar o aparelho, mesmo que algumas crianças tirem "sarro" dele ou ainda outros olhando-o diferente?
Uma história emocionante e reveladora, que nos mostra como sempre, que o amor é a base de tudo e que a amizade também é um tipo de amor...

"...Amizade significa que você ajuda a outra pessoa. fica ao lado dela..."pg. 211.

Leiam eu recomendo muito...

Sinopse:
Enquanto as crianças brincam no playground de Woodside Elementary School, dois alunos, uma garotinha e um garoto, desaparecem, sendo vistos pela última vez atravessando o campo de futebol em direção ao bosque atrás da escola. As horas passam e então apenas um deles, Adam, um garoto de nove anos com autismo, é encontrado vivo, a única testemunha de um assassinato incompreensível. Verbal apenas nos melhores dias, Adam recua em seu mundo silencioso que Cara, sua mãe, conhece muito bem. Com a comunidade em choque e seu filho incapaz de ajudar na investigação policial, Cara tenta decifrar os enigmáticos acontecimentos. Um romance excitante de suspense psicológico sobre um crime que golpeia o centro de uma comunidade pequena, a comovente trama de Cammie McGovern é, sobretudo, uma história poderosa sobre a delicada e complexa ligação entre uma mãe e seu filho autista.

Fica a dica...
Bjos!!!

8 comentários :

  1. Nossa, esse livro deveria ser obrigatório a todos, viu. Eu tenho uma filha de 14 anos, ela não possui deficiência e sempre ensinei que não se deve "olhar diferente" para ninguém. Ela ama crianças, a irmã da amiga dela tem sindrome de donw ela fica sempre com essa amiga para brincar com a irmãzinha. Vou comprar esse livro. Parabéns adorei o blog. beijoss

    ResponderExcluir
  2. Eu achei esse livro maravilhoso *-* Eu não esperava que ele fosse tão bom quando o peguei para ler! Um surpresa super agradável e um livro excelente!

    ResponderExcluir
  3. Já ouvi falar mto em desse livro, pretendo ler!!!


    http://www.conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Eu também Deiare =/ Acho que fui com muita sede ao pote kkk
    Esperava muito mais de Cidade dos Ossos, e ficou faltando alguma coisa =S Tomara que a continuação seja melhor! ^^
    E o final foi meio "O que foi isso? Já acabou?"

    Estou louca para ler esse livro, deve ser bem interessante *-*
    Bjus

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha, muito legal, mas esse livro ainda não despertou meu interesse

    ResponderExcluir
  6. Achei a sinopse interessante.
    Fiquei com muita vontade de ler.

    Bye

    ResponderExcluir
  7. Oi Andrea,
    Esse livro é maravilhoso mesmo. Ameiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!
    Adam é uma personagem tocante.
    Senti tudo o que você falou também.
    bjs

    entrepaginasesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Quero saber o que tem a dizer... um olá, um argh...tudo que me faça te conhecer um pouco mais.